25 setembro 2010

Amor além da vida


Ela estava emtorpecida, estava quase morrendo.
Ela estava em seus braços, com os olhos vazios, quando disse:
- Me acorde por dentro por favor, não me deixo morrer.Disse ela sem forças
- Não consigo, ja é tarde, voce se foi. Disse ele com lagrimas nos olhos.
Ele estava olhando-a em seus braços, aquele corpo fraco, porém jovem, suas pernas estavam tremulas, ele tentava salvá-la, mas parecia que ela não queria voltar, ela sequer tentava.
E então ela olhou no fundo de seus olhos e disse:
- Eu amo voce.
Ele a retribuiu com um ultimo beijo, então sentiu seu coação parar de pulsar. Uma lágrima caiu de seus olhos sobre os dela.
Ele precisava dela, dependia dela para viver, sabia disso. Ele sussurou em seu ouvido e disse: "eu te amarei além da morte."
Ele então deitou seu corpo gelado sobre a cama ainda desfeita por sua ultima noite de amor.
Foi ate o benheiro passou uma agua no rosto, fechou a torneira, quando ouviu um grito de socorro.
Foi ate o quarto, ela estava respirando, porem ofegante, não sabendo o que fazer ele a abraçou com toda a sua força e disse:
- Nunca mais te perderei novamente. Disse com o coração saindo pela boca.
- E eu te amarei além da morte. Disse ela.
- Eu lhe falei isso antes de voce apagar. Disse ele surpreso.
- Eu sei! Tambem te amo meu amor.

2 comentários:

  1. Um toque perfeito de sobrenatural! Lindo, adoro um romance! -aloka'

    ResponderExcluir
  2. KJASJDSDLKJDLKDJ' obrigado!
    aloka, KLJDAKJDSKA'

    ResponderExcluir

Querido leitor, ao comentar qualquer texto aqui, voce estará incentivando - ou não - essa futura escritora a escrever mais, por tanto faça seu comentário. Mas senão gostar não se de a trabalho de ler, e se não ler não se de o trabalho de comentar.
Beijones.